homem olhando um gráfico: como investir na bolsa de valores

Para muitos, a bolsa de valores pode parecer um bicho de sete cabeças… E de fato é, principalmente para quem não busca conhecer sua funcionalidade antes de se aventurar.  Por isso, preparamos um guia rápido: como investir na bolsa de valores.

Espero que esse conteúdo realmente ajude você a dar os primeiros passos. Não deixe de aproveitar o momento único que passamos com a grande parte das ações muito abaixo do seu valor de mercado.

Defina um objetivo

Antes de pensar em investir, responda a seguinte questão: Qual o seu objetivo ao investir? Exemplo: Compra de um apartamento, viver de renda aos 50 anos, pagar estudo do filho, etc…

Como investir na bolsa: tenha claro o tempo que dispõe para esse investimento.

Quando o assunto é bolsa de valores, o tempo mínimo indicado é cinco anos. Exceção se você for um trader. O mercado passa por altas e baixas e, por isso, é fundamental ter um prazo maior para essa modalidade de investimento. Assim, você terá mais tempo para recuperar uma eventual crise como a que vivemos. No longo prazo, o mercado é de alta e aproveite a crise para aumentar sua carteira com os preços mais baratos. Compre mais.

Formas de investir na Bolsa de Valores

  • Compra direta de ações

Na compra direta de ações, você escolhe as ações que deseja comprar e transmite a ordem para uma corretora. Basicamente, comprar ações significa ter “pedaços” de uma empresa e se tornar sócio dela.

  • Fundos de Índices – ETF´s

Fundos de Índices, os chamados ETF´s (Exchange Traded Funds), são fundos espelhados em índices e suas cotas são negociadas em Bolsa da mesma forma que as ações.

  • Clubes de Investimentos

Composto por pessoas que se unem para investir em grupo. Nessa modalidade, os ganhos, perdas e custos são divididos pelo grupo. A grande vantagem é tornar as despesas da bolsa de valores mais acessível, uma vez que, será dividida por todo grupo.

  • Fundo de Investimento em Ações

Essa é a modalidade mais conhecida e mais fácil de participar da bolsa de valores. Através de uma corretora ou banco, você escolhe o fundo que deseja aplicar e participa como uma forma de condomínio. Com isso, a grande vantagem é a facilidade e baixo valor de entrada.

Algumas corretoras aceitam R$ 100,00. Por outro lado, a desvantagem muitas vezes é alta taxa de administração cobrada pelos bancos. Por isso, tome cuidado.

Do mesmo modo, para quem possui mais de R$ 1.000,00/mês vejam os fundos distribuídos pela XP Investimentos. Se você possui menos que isso, consulte os fundos da Geração Futuro que começam com R$ 100,00/mês.

Encontre a Melhor corretora

  • O que faz a corretora

A corretora é o intermediário financeiro entre você a bolsa e demais instituição financeira. Ela é autorizada a executar suas operações. Afinal, você não pode ir diretamente na bolsa e comprar ações. Obrigatoriamente precisa de um intermediário.

Além disso, ela dará todo suporte e assessoria para ajudá-lo a escolher as ações de acordo com o seu perfil e objetivo financeiro.

  • Como escolher a melhor corretora

Ao escolher a corretora, procure por uma que te atenda de forma ampla (Bolsa, renda fixa, fundos, previdência e até seguros). Assim, poderás aproveitar oportunidades em diferentes mercados, tais como Tesouro Direto por exemplo.

  • Avalie a solvência e credibilidade da corretora

Nessa etapa, é muito importante você verificar a credibilidade da corretora no mercado. Uma pesquisa no Google revelará muito sobre isso. Além disso, verifique o quanto ela está capitalizada.

  • Avalie as taxas cobradas

Avalie o quanto a corretora cobra para investir em renda variável, renda fixa e demais. Por exemplo, na XP Investimentos você encontra todas essas informações através desta página ainda sem ser cliente.

  • Tenha um assessor de investimentos

Por ser cliente, você tem direito a um assessor. Use muito esse serviço, pois você tem direito, está nos custos da corretora. Por isso, aproveite para tirar todas as suas dúvidas e peça para seu assessor cadastra-lo no mailing de oportunidades. Sou suspeito, pois o Arthur Ordones é meu assessor, recomendo! risos.

Abra sua conta em uma corretora

Abrir a conta em uma corretora é muito simples. 90% delas já possuem sites com o link de cadastro. Ou seja, como em toda tarefa, o que vai fazer a diferença é colocar a mão na massa. Então, mãos a obra.

Aproveitando, deixo como sugestão o vídeo abaixo:

Por fim, boa sorte nos investimentos, não esqueça de compartilhar para dar aquela força e conheça também os maiores pagadores de dividendos da bolsa de valores!